Heróis de 2008 traçam caminho para Inter repetir vitória contra o Boca na Bombonera e buscar vaga

Bolívar, Magrão e Cléber Xavier, auxiliar de Tite, recordam vitória sobre o Boca Juniors pela Sul-Americana e dão dicas para duelo desta quarta-feira, pela Libertadores

O Inter tem nesta noite a missão de vencer o Boca Juniors na Bombonera para seguir adiante na Libertadores. Tarefa complicada? Sem dúvida. Mas não seria uma novidade na história colorada. A façanha já ocorreu em 2008 e, além de pavimentar o caminho ao inédito título da Copa Sul-Americana, deixou lições. Lembradas pelos próprios protagonistas, na torcida por um novo triunfo nesta quarta-feira.

Há 12 anos, Inter e Boca disputavam uma vaga às semifinais da Copa Sul-Americana. Ao contrário de hoje, que precisa reverter a derrota por 1 a 0 no Beira-Rio no jogo de ida, o Colorado entrava em campo na Bombonera lotada com vantagem, após ter vencido por 2 a 0 em Porto Alegre.

O time gaúcho, então comandado por Tite, mantinha a base campeã da Libertadores e do Mundial em 2006. Um grupo calejado, portanto. Algo semelhante ao atual time de Abel Braga, embora este não seja marcado por conquistas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *